Introduzindo libertarianismo e suas variantes II: libertarianismo de esquerda x de direita

Uma divisão comumente aceita no libertarianismo divide a esquerda e a direita libertárias. Se Roderick LONG definiu libertário como qualquer movimento político que advogue uma radical redistribuição de poder do Estado coercitivo para associações voluntárias de indivíduos livres (p. 304 do texto original, p. 2 do pdf, tradução minha), tal conceituação deixa em aberto a forma de “associação voluntária”, se em moldes socialistas ou capitalistas.

Para Long, LibCap (capitalismo libertário) é a posição que defende que cada indivíduo deve ter o direito de fazer o que quiser da sua vida e de propriedade privada adquirida pacificamente, desde que não agridam as liberdades alheias. Entre os LibCap, aqueles que defendem um governo limitado para a função básica de proteger direitos libertários (o Estado guarda-noturno) são denominados minarquistas, enquanto aqueles que defendem a inteira substituição do Estado pela provisão de segurança e julgamento/arbitragem dos conflitos por intermédio de agências de proteção e cortes em concorrência em um mercado livre são chamados de anarcocapitalistas.

Quanto ao LibSoc (socialismo libertário), Long descreve-o como um libertarianismo que, rejeitando toda interferência no estilo de vida privado, não encara da mesma forma a capacidade de se engajar em transações de mercado ou de controlar exclusivamente propriedade como exemplos de liberdades a serem necessariamente protegidas, uma vez que entendem ser as relações capitalistas de propriedade uma forma de dominação. Para combater a dominação do capital sobre o trabalho, advogam a formação de um sistema de auto-governança popular via redes de associações locais, participativas, voluntárias, cooperativistas, descentralizadas – às vezes para complemento e questionamento do Estado, às vezes para a inteira substituição deste.

LONG faz referência à uma terceira variante, o LibPop (populismo libertário), cujos defensores não se denominam de libertários, mas que defendem a propriedade privada, impostos reduzidos, direito de portar armas (como LibCap) tanto como são céticos sobre o livre comércio, a usura e o capitalismo financeiro (como LibSoc), e distintivamente são muito tradicionalistas e nacionalistas em matérias culturais e morais.

Enquadrando nas categorias do título: LibCaps e LibPops seriam libertários de direita, enquanto LibSoc seriam libertários de esquerda. LibCaps veêm associações voluntárias como aquelas de moldes capitalistas em um mercado livre, enquanto LibSocs veêm associações voluntárias como aquelas de democracia direta e cooperativismo. LibPops veêm com desconfiança algumas das associações previstas por ambos os anteriores.

Eu uso uma outra definição para libertarianismo (https://libertarianismoedarwinismo.wordpress.com/2013/01/22/introduzindo-libertarianismo-e-suas-variantes-i-definicao-de-libertarianismo/) que inclui as liberdades econômicas relativas ao livre mercado. A rigor, minha definição seria incompatível com algumas formas de LibSoc: a incompatibilidade se dissiparia se fosse possível defender que também envolvem liberdades econômicas a serem exercidas de uma outra forma, mas não estou certo disso. De qualquer maneira, a definição que uso inclui o mutualismo e a “contra-economia” associada (Kevin Carson).

Para realizar abaixo apresentação básica das principais idéias distintivas da direita e da esquerda autodenominadas libertárias (e assim afastando os LibPop de Long da análise), elencaria o seguinte:

Libertarianismo de direita: 1) aceita o modelo de empresa capitalista e trabalho assalariado como a organização econômica que seria favorecida em um mercado livre e/ou deve continuar por ser bom; 2) considera-se defensor do “verdadeiro capitalismo”, o de livre mercado, e da liberdade do empreendedor; 3) geralmente entendem que a propriedade da terra se adquire por homestead (primeira ocupação) e, assim, torna-se propriedade exclusiva e plena; 4) não necessariamente preocupam-se com o problema da discriminação e das relações desiguais de poder tradicionais, independentes de intervenção estatal.

Libertarianismo de esquerda: 1) defende que a substituição do modelo de empresa capitalista e trabalho assalariado por um sistema de cooperativismo (trabalhadores donos do capital) e de ação democrática direta em alguns setores de bens comuns seria favorecida em um mercado livre e/ou a substituição deve ocorrer por ser boa; 2) considera-se defensor do “verdadeiro socialismo”, um mercado livre anti-capitalista e da liberdade do trabalho em relação ao capital; 3) em geral não aceitam a propriedade exclusiva e plena da terra, defendendo alguma forma de apropriação limitada, como o mutualismo (direito de posse sobre a terra enquanto há ocupação e trabalho nela) ou o georgismo (direito de posse condicionado ao pagamento de um imposto à comunidade, como uma espécie de aluguel pela ocupação e uso, já que as terras pertenceriam à humanidade como um todo); 4) contrários à discriminação e às relações desiguais de poder tradicionais, independentes de intervenção estatal.

Referências:

LONG, Roderick. T. Toward a Libertarian Theory of Class. In: Social Philosophy & Policy Foundation 1998 –> http://www.praxeology.net/libclass-theory-part-1.pdf

Obs: Quando começo a falar sobre a minha posição, e apresento as idéias distintivas básicas da direita e da esquerda libertárias, não elenco as referências aqui, tendo em vista que me baseio nas leituras que fiz de sítios virtuais que defendem seja a esquerda ou a direita libertárias. Então, para consulta preliminar do leitor, destacaria:

1) Esquerda libertária: http://www.mutualist.org/

2) Direita libertária: http://www.mises.org.br/

Uma resposta em “Introduzindo libertarianismo e suas variantes II: libertarianismo de esquerda x de direita

  1. Pingback: Temas tratados no 1º ano do blog | Tabula (não) Rasa & Libertarianismo Bleeding Heart

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s